Quais as funções do cuidador de idosos? Quais as funções do cuidador de idosos?

Funções e deveres do cuidador de idosos

5 minutos para ler

Neste artigo vamos esclarecer as funções do cuidador de idosos, ilustrando da melhor forma o que este profissional faz, quais são as suas principais atribuições e deveres.

As atribuições do cuidador na assistência ao idoso

Muitas famílias se encontram em busca de pessoas capazes de cuidar e dar assistência aos idosos ou familiares que não autossuficientes.

Por outro lado, uma grande maioria também se pergunta o que um cuidador deve fazer e quais são suas atribuições específicas, para entender melhor quais tarefas podem ser confiadas a esse profissional.

Se você também está em busca ou em processo de contratação de um cuidador, veja aqui quais as suas principais atribuições e como definir suas tarefas. Acompanhe!

Significado de cuidador: o que faz e qual a sua classificação

Antes de falar das atribuições do cuidador e da sua importância na assistência de idosos, convém, em primeiro lugar, definir a sua ocupação profissional, conforme a legislação.

Do ponto de vista jurídico, as figuras de cuidadores e auxiliares domiciliares enquadram-se na categoria dos trabalhadores domésticos.

Especificamente, a Lei Complementar 150/15 regulamenta o trabalho de um cuidador de idoso em âmbito residencial. Ou seja, a lei das domésticas dispõe sobre as diversas categorias de profissionais domésticos que prestam serviços domiciliares e para pessoa física, como a empregada doméstica, a governanta, o jardineiro, a babá, cuidadores, entre outros.

Para cada atividade dentro da categoria dos domésticos, existe uma Classificação Brasileira de Ocupações (CBO). A de cuidador, por sua vez, deve ser registrada sob a CBO 5162-10.

Livre-se da burocracia do esocial

Para informações sobre o salário do cuidador, clique aqui: Salário Cuidador de Idosos: custos e remuneração

O que faz o cuidador de idosos [tarefas]

A principal tarefa, dentre as competências do cuidador, de fato, é voltada para a assistência a idosos ou enfermos.

Especificamente, simplificando, as tarefas mais comuns do cuidador são:

  • preparo das refeições e suporte para alimentação adequada;
  • atividades de simples atendimento, monitoramento e vigilância ;
  • realizar tarefas domésticas, como limpar e arrumar a casa;
  • cuidados com o curativo e a higiene da pessoa assistida;
  • apoio na tomada de medicamentos;
  • acompanhamento a exames médicos ;
  • estimulação da comunicação e habilidades sociais e motoras.

Lista detalhada de funções do cuidador

A seguir segue uma lista mais detalhada das principais funções de um cuidador para que, desta forma, você possa obter mais informações sobre as responsabilidades do profissional.

  1. Cuidados: o cuidador deve atender a todas as necessidades que a pessoa que ela cuida possa ter.
  2. Ajuda nas necessidades básicas: que podem incluir comer, tomar banho, arrumar, vestir e acompanhar o idoso ao banheiro.
  3. Companhia: proporcionar companhia e assumir o papel de cuidador [zelo, confiança, segurança]
  4. Serviço de limpeza: ajudar a lavar pratos, recolher o lixo, lembrando que o cuidador não é um trabalhador doméstico.
  5. Medicação: a supervisão da medicação é fundamental, em vista disso, o cuidador deve controlar os horários e as doses.
  6. Preparar as refeições: o cuidador pode acompanhar os familiares no acompanhamento nutricional e/ou no preparo das refeições.
  7. Mobilidade: caso o familiar tenha dificuldade de se movimentar, como da cama para uma cadeira, o cuidador deve estar preparado para ajudá-lo.
  8. Acompanhamento: acompanhar o idoso nos seus traslados aos locais necessários, como ambulatório, hospital, passeios e outras atividades.
Nota: É importante esclarecer todos os pontos listados acima, entre outras necessidades específicas, e definir os termos do contrato, bem como a lista de tarefas a realizar em casa.

Como estabelecer os deveres do cuidador?

Como visto acima, certamente, contratar um cuidador nunca é uma responsabilidade simples, visto que é imprescindível definir as funções do contratado com a maior clareza possível, a fim de evitar mal-entendidos e para que ambas as partes envolvidas – empregador e trabalhador – tenham clareza das atribuições do cuidador.

Por isso, recomendados que todas as atividades do cuidador sejam estabelecidas por escrito, acompanhadas de horários e indicações relativas aos métodos de execução.

Principalmente se as orientações tiverem sido estabelecidas pelo médico, por exemplo, a necessidade de o paciente tomar certas medicamentos em horários específicos do dia. Ou ainda observações em relação ao preparo das refeições em horários determinados pelo médico/nutricionista ou familiares.


Agora que você já conhece quais as funções do cuidador, saiba também quais são os direitos deste profissional, como pagar as contribuições trabalhistas e se manter em dia com a legislação.

Então, deseja saber mais? Leia também:

Avaliação
Posts relacionados

Deixe um comentário